domingo, 7 de fevereiro de 2016

Leituras de Janeiro

Oi, gente!
Como vocês estão nesse domingo de verão? Por aqui estamos sofrendo com temperaturas que chegaram a 35ºC por toda a semana - que saudade do inverno! Muita inveja dos nossos amigos na América do Norte com toda aquela neve e aquele friozinho delícia! Hahaha.
Hoje vim compartilhar com vocês as leituras de janeiro. Parece incrível que o primeiro mês do ano já tenha acabado! Tive um certo problema ao recomeçar as leituras depois de tantas festas e feriados no final do ano, mas consegui pegar o ritmo e tive ótimas leituras!
Vem descobrir os livros que escolhi para começar o ano com o pé direito!
Teve de tudo esse mês: clássico, distopia, jovem adulto, finalização de série... Uma verdadeira salada mista! Mas creio que esse tenha sido o fator que me ajudou a entrar no ritmo novamente. Comecei  o mês longe da minha ~eficiência~ usual, mas fui me envolvendo e consegui ler bastante coisa; e o melhor: os desafios estão em dia! \o/
Sem mais delongas, vamos aos livros:

Livro: 1984 - George Orwell
Desafio: Escolha do mês do Literary Hurricane

Sim, senhoras e senhores, esse foi o meu primeiro livro do ano - para começar bem um 2016 de leituras maravilhosas!
Eu já sabia que não seria uma leitura fácil. 1984 trás um peso imenso a cada página, por se tratar de um livro clássico que é a base de praticamente todas as distopias que eu já li. Antecipei certa dificuldade em me relacionar com os personagens, mas isso não passava de puro preconceito da minha parte, aquela ideia ultrapassada de um livro tão antigo não poderia ter algo que nós possamos nos relacionar.
Me encantei com os personagens do começo ao fim, e tive meu coração partido, despedaçado e atirado aos quatro ventos com esse final. Mas terminei o livro com um suspiro de fascinação: a escrita é algo mais, e você deve dar uma chance, se ainda não leu. Prometo: vai valer a pena!


LI O LIVRO, POSSO VER O FILME, YAAAY! 


Livro: A 5º Onda - Rick Yancey

Li tantas resenhas contraditórias sobre esse livro que não sabia muito o que esperar, quando comecei a leitura; o que acabou sendo ótimo: fui completamente surpreendida pela leveza da escrita de Rick Yansey!
O enredo é lindamente escrito de forma não linear, mostrando flash backs de como toda aquela confusão começou, o que deixa a leitura fluida e bem divertida. As aventuras vividas pela Cassie, uma das melhores protagonistas que já li em livros jovens adultos, são de tirar o fôlego. O triângulo amoroso, que parece ser obrigatório em livros desse gênero, está presente, mas de alguma forma consegue não interferir na história, pelo menos não do modo como vemos em Jogos Vorazes, por exemplo. Na verdade, vocês vão encontrar muitos paralelos entre esses dois! No geral, uma leitura quatro estrelas que eu recomendo!

LI O LIVRO, POSSO VER O FILME, YAAAY!


Livro: O Jardim Secreto - Frances Hodgson Burnett

O que falar sobre essa lindeza? É uma fofura do começo ao fim! 
Um livro leve, engraçado, cheio de boas lições de coragem, auto descobrimento, superação; e que vale a pena ser lido por todas as idades! Não espere o ênfase sombrio como o do filme: a escrita de Burnett transparece muito mais do que isso.
Foi uma leitura cinco estrelas para mim, apesar dos meus problemas - imensos - com o final, que nem de longe tem aquele encerramento fechadinho como eu gosto. Tive uma impressão persistente de que o autor não finalizou o livro, e só escreveu mais um capítulo antes de sair apressado e ir fazer outras coisas! Detesto quando isso acontece! Mas, é inegável que o livro tem um certo apelo com esse final meio "aberto" e que isso tem ligação direta com o desenvolvimento dos personagens, um dos melhores que eu já li!

Livro: Me, Earl and the Dying Girl - Jesse Andrews
Desafio: English Book Challenge

Em termos de preconceitos literários, bati o recorde com esse livro, só para ganhar um imenso ~tapa~ mental: ele não era nada como eu imaginei. O trauma com "A Culpa é das Estrelas" ainda estava muito fresco na minha mente, quando comecei a leitura, e ainda que as comparações sejam inevitáveis, meu melhor conselho é que você se deixe ser surpreendido.
Sim, existe as partes tristes, mas o drama é lindamente entremeado com o humor, com a amizade, e com a honestidade. Os personagens me pareceram mais reais, mais humanos, e a história, muito mais identificável. As primeiras cem páginas passaram em um borrão de risadas altas e leitura fluida, lá pela metade do livro dá aquela vontade de poupar a leitura, mas é simplesmente impossível: você precisa ler até o final. Leitura quatro estrelas, e um YA acima da média!


LI O LIVRO, POSSO VER O FILME, YAAAY!


Livro: On The Road - Jack Kerouac
Desafio: Um Clássico Por Mês

Tive que quebrar a regra e ler dois clássicos em janeiro, porque sei que não vou ter tanto tempo livre mais à frente, no ano. E escolhi um clássico da literatura contemporânea que já fez vários aniversários na minha TBR!
On The Road é um livro frenético, e tão envolvente que tudo que você consegue sentir é uma imensa vontade de fazer as malas e partir para o mundo imediatamente. A medida em que a leitura avança, você meio que se acostuma com a sensação, mas ela nunca acaba: permanece com o leitor do começo ao fim!
É uma leitura difícil de descrever: alguns trechos do livro são puro fluxo de pensamento, enquanto outros são desenvolvimentos filosóficos e um realismo que chega a quase doer os olhos. Jack Kerouac tem um estilo único que ninguém mais tem, e que eu recomendo com cinco estrelas que você leia!

LI O LIVRO, POSSO VER O FILME, YAAAY²!


Livro: Arqueiro do Rei - John Flanagan (Série Rangers Vol. 12)
Desafio: Séries Não Finalizadas

Com tantos desafios literários no ano, só me resta "roubar" cada tempinho de leitura disponível para terminar as séries que já comecei, e por isso escolhi Arqueiro do Rei, décimo segundo e último livro da série Rangers. Ai que dorzinha no coração de finalizar essa série maravilhosa!
O livro em si foi uma surpresa do começo ao fim: ainda não perdoei o autor por deixar um acontecimento tão importante de fora (entre o hiato do livro anterior e esse) e por bagunçar um pouco a linha do tempo; isso me custou um tempo precioso me situando na história. Porém, todos os meus personagens preferidos estavam lá, e teve aventura, muita ação, teve desfecho (não exatamente o que eu queria, mas um que gostei bastante) e terminei a série com um calorzinho gostoso no meu coração de leitora. Uma das melhores séries jovem adulto de todos os tempos, na minha opinião!

Livro: Driven - James Sallis (Duologia Drive Vol.2)
Desafio: Séries Não Finalizadas

Se por um lado eu considero esse livro completamente dispensável, simplesmente porque o final do primeiro é espetacular o suficiente; eu não pude deixar de ler o segundo volume: um dos meus personagens preferidos por mais algumas páginas? Tô dentro!
O enredo não acrescenta nada de novo, nem trás nenhum acontecimento revelador, mas foi impossível não me deixar fascinar pela vida errante, explosiva e violenta do Motorista. Tem ação e mistério de sobra nesse livro, explorados com a mesma maestria de James Sallis no primeiro volume, que te leva a um ponto onde é impossível parar de ler.
Foi uma leitura 4,5 estrelas para mim, por que apesar de espetacular, eu esperava algo mais, com um final digno de tragédias gregas, e mesmo sem nada disso; eu amei o livro. Indicadíssimo para fãs do gênero!

E esses foram os livros lidos no primeiro mês do ano: um total de sete livros! Yaaay! Confesso que o aviso do Goodreads ("You're On Track!") me dá um pouquinho de ansiedade, porque sempre prefiro estar algumas leituras a frente, para o caso de falta de tempo ou, os Deuses nos livrem, uma ressaca literária! Foi uma delícia terminar o mês com todos os desafios em dia!

\o/\o/\o/

E vocês, o que leram em Janeiro? Conseguiram ficar com os desafios em dia? Vamos conversar sobre isso nos comentários!
Beijos & Até a Próxima! ;)